Políticos se aproveitam do Carnaval com distribuição de abadás e menção em sambas - UOL

Políticos se aproveitam do Carnaval com distribuição de abadás e menção em sambas - UOL
No Carnaval de 2020, uma pequena cidade às margens do rio Amazonas entrou no radar do Ministério Público. Uma das escolas de samba de Anori (AM) decidiu homenagear o prefeito Jamilson Ribeiro Carvalho no samba-enredo, citando expressamente o seu nome. Outra agremiação estampou a foto dele no uniforme dos integrantes. Ambas haviam recebido verbas públicas do município para os desfiles de Carnaval.

"Jamilson, a verde amarelo hoje canta pra você. Salve, São João Batista, seu padroeiro e protetor, que conduz a sua vida e lhe faz um vencedor", diziam os primeiros versos do samba da escola Verde Amarelo. "Na caravela do samba, segue firme com fé e determinação, Jamilson Carvalho, homem de bom coração."

"Pasme, excelência, como em pleno século 21, com todas as formas de promoção pelas mídias sociais e demais ferramentas tecnológicas, Políticos *modernos* ainda tentam fazer política, ou melhor, politicagem, como os antigos *coronéis de barrancas* faziam nos séculos passados. Seria cômico se não fosse trágico", escreveu o promotor Luiz Alberto Dantas de Vasconcelos na ação cautelar.